14 Nov 2019 Marketing Deixe o seu comentário

Somos dependentes das Redes Sociais?

As redes sociais são espaços virtuais onde grupos de pessoas ou empresas se relacionam através do envio de mensagens, da partilha de conteúdos, entre outros. Atualmente existem diferentes redes sociais, cada uma com um propósito e um público-alvo específico.

Há, para diferentes púbicos, e diferentes objetivos, vários tipos de redes sociais. Numa pesquisa simples podemos encontrar alguns objetivos das redes sociais:

  • Estabelecer contatos pessoais – Relações de amizade ou namoro.
  • Realizar networking, – Compartilhar conhecimentos profissionais e procurar emprego.
  • Compartilhar imagens e vídeos.
  • Divulgar produtos e serviços para compra e venda.
  • Jogar.

Seremos nós dependentes das redes sociais atualmente?

As redes sociais trazes vantagens à nossa vida. Aproxima as pessoas que vivem em locais diferentes, pois é uma maneira fácil de manter as relações e o contato, possibilita a interação em tempo real, facilita a relação com quem está mais perto, permitindo manter uma relação de proximidade sem se encontrar fisicamente, oferece uma forma rápida e eficaz de comunicar algo para um grande número de pessoas ao mesmo tempo, permite avisar sobre um acontecimento, a preparação de uma manifestação ou a mobilização de um grupo para um protesto ou Facilita a organização de eventos, enviando convites e solicitando a confirmação de presença.

Olhar para as vantagens, não chega. Vamos apresentar as desvantagens. Por um lado falta de privacidade, divulgação de certos pormenores da vida de cada um, crianças e adolescentes divulgam informações sobre a escola e locais que frequentam. Mas não termina aqui já que pode causar dependência, pois em alguns casos as pessoas não conseguem “desligar-se” das redes sociais, deixando coisas importantes por fazer, facilidade de divulgação de notícias, fatos e imagens sem a verificação da fonte, podendo ser “fake news”.

O vício das redes sociais pode ser bastante limitador da capacidade para fazermos outras atividades importantes para o nosso bem-estar físico e psicológico, diminuindo, por exemplo, a nossa convivência com amigos, familiares e colegas.

As redes sociais devem ser usadas pelos utilizadores com ponderação. Se para as empresas pode ser um bom instrumento de mostrar a sua atividade, para os utilizadores comuns deve ser usada com alguns cuidados para não se deixarem absorver por elas.

Um dos problemas das redes sociais é serem tão absorventes que não conseguimos fazer outras atividades ou sequer pensar em mais nada. Nesse caso, diz-se que estamos imersos, completamente mergulhados num meio onde nos isolámos do resto do mundo.
Claro que não são só as redes sociais que nos podem fazer alhear da realidade à nossa volta. Há várias situações em que podemos igualmente dizer que estamos imersos.

Por exemplo, nas melhores partes dos filmes, nem precisamos de estar numa sala escura, como no cinema, para não vermos mais nada para além do que se passa no ecrã. Quando estamos a jogar um jogo de computador, nem precisamos de ter os auscultadores para não ouvirmos o que está a dar na televisão ou o que estão a conversar mesmo ao nosso lado.

Aconselhamos que fiquem atentos aos vossos filhos, amigos e a vocês mesmos para que não se deixem levar pelo lado negro das redes sociais. Usando-as de forma positiva.

Partilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.